Governador Valadares sedia Encontro Regional de Assistentes Sociais

Publicado em 09/12/2016

O CRESS-MG, a Abepss e a Enesso realizaram, no dia 26 de novembro, em Governador Valadares, mais um Encontro Regional de Assistentes Sociais e das Ufas das Microrregiões da Abepss. A iniciativa que tem acontecido em cidades do interior desde o ano passado, tem o objetivo de discutir questões relacionadas à formação e ao exercício profissional, com uma agenda de interiorização das ações das entidades representativas da categoria e dos/as estudantes.

No turno da manhã, o mestre e doutor em Serviço Social pela UFRJ e professor na mesma instituição, Gustavo Repetti, ministrou a palestra “Serviço Social no Brasil – desafios para a defesa do seu patrimônio acadêmico-político e socioprofissional”. 

O evento foi primordial para o fortalecimento da categoria profissional da região, como afirma Francielle Nascimento, assistente social e coordenadora do Núcleo de Assistentes Sociais da Região de Governador Valadares. “Ao aproximar com a ABEPSS e o CRESS-MG, as e os profissionais do interior percebam que não estão sozinhas/os nas lutas cotidianas e desafios da profissão”, pontua. 

Para ela, os debates trouxeram para a categoria uma reflexão sobre a trajetória até aqui, “levando a refletir que este tempo de retrocesso, de desmonte dos direitos sociais como o que estamos vivendo, apenas reafirma que nós enquanto assistentes sociais, somos uma categoria que lutou, luta e continuará  lutando por justiça social”, observa. 

Estágio supervisionado

À tarde, a Comissão de Orientação e Fiscalização do CRESS-MG (Cofi) abordou algumas reflexões sobre o estágio supervisionado em Serviço Social, como explica a conselheira e integrante da Cofi, Marisaura Cardoso. “A proposta é que a partir das situações apresentadas e das experiências das e dos demais participantes, se promovesse um espaço rico de socialização e de reflexões.”  Ela conta que o estágio foi abordado enquanto “ato educativo”, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa a preparação para o trabalho produtivo de educando, conforme preconiza a Lei 11.788/2008. 

“Neste sentido, a participação de supervisoras/es de campo, supervisoras/es acadêmicas/os e das/os próprias/os estagiárias/os é fundamental para que esse processo de formação ocorra de maneira qualificada”, aponta Marisaura.

A supervisão direta de estágio foi debatida e enfatizada como uma das prerrogativas das e dos assistentes sociais, conforme estabelece a lei de regulamentação da profissão, 8.662/93, e que estejam vinculadas ao corpo de trabalhadoras/es do espaço sócio-ocupacional que oferece a vaga de estágio, assim, é vedado a outras categorias profissionais supervisionarem estudantes de Serviço Social.

Alguns desafios no âmbito da fiscalização foram destacados, dentre eles as irregularidades que a própria área apresenta, como ausência de profissionais no corpo funcional para supervisionar as e os estagiários, a distância entre a/o estagiária/o e a/o supervisora/or de campo, além de várias situações constatadas  em que a/o assistente social não trabalha no mesmo local onde a/o aluna/o realiza seu estágio. 

A conselheira Marisaura comenta que foram levantados, também, outros desafios relacionados, tais como a não concomitância entre a supervisão de campo e a supervisão acadêmica, a ausência de plano de estágio, bem como as condições éticas e técnicas para que a/o profissional possa desenvolver sua supervisão com as mínimas condições de trabalho necessárias ao seu exercício. Para ela, o momento foi de “observações e reflexões bem ricas, o que contribui para continuidade do debate na região de Governador Valadares”.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Guajajaras, 410 - 11º andar. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30180-912

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h