Una promove em BH mostra de filmes sobre direitos humanos

Publicado em 12/03/2015

O Curso de Serviço Social do Centro Universitário Una, em parceria com o Instituto de Comunicação e Artes (ICA) e o Diretório Acadêmico de Serviço Social Florestan Fernandes (Dassuna), realiza de 23 a 26 de março, em BH, o Projeto Democratizando, que tem como objetivo ajudar a difundir obras cinematográficas que problematizam e abordam a questão dos Direitos Humanos de diversas formas.

Por meio de uma iniciativa da 9ª Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul, pontos de exibição em todo o país, como o Projeto Democratizando, se inscreveram para receber os kits elaborados pela produção da Mostra; os kits contêm obras que buscam suscitar o debate sobre os Direitos Humanos em âmbito nacional.

Além da exibição dos filmes, o Projeto estará promovendo um espaço de cinema comentado, envolvendo uma articulação entre o campo dos Direitos Humanos e as temáticas dos filmes exibidos com os conteúdos estudados em disciplinas do Curso de Serviço Social e do Projeto Interdisciplinar Dirigido (Tidir).

A participação é aberta para toda comunidade e será emitida declaração para os participantes.

As exibições acontecerão na manhã e noite, no Auditório do Icbeu, localizado na Rua da Bahia, 1723 – Lourdes – BH.

Programação

A VIZINHANÇA DO TIGRE, direção de Affonso Uchoa (Brasil, 2014, 95'). Juninho, Menor, Neguinho, Adilson e Eldo são jovens moradores do bairro Nacional, periferia de Contagem (MG). Divididos entre o trabalho e a diversão, o crime e a esperança, cada um deles terá de encontrar modos de superar as dificuldades e domar o tigre que carregam dentro das veias.

Exibição nos dias 23/03 (manhã) às 8h e 26/03(noite) às 19h.

CABRA MARCADO PRA MORRER, direção de Eduardo Coutinho (Brasil, 1984, 119’). Em 1964, o CPC da UNE inicia um filme sobre a vida de João Pedro Teixeira, líder da Liga Camponesa de Sapé (PB), assassinado por latifundiários, que inclui uma reconstituição ficcional do evento político quelevou a sua morte. A viúva de João Pedro, Elizabeth, e outros camponeses participam das filmagens. Mas os trabalhos são interrompidos por conta do golpe militar. 17 anos depois, Coutinho retoma o projeto e vai atrás dos personagens, encontrando Elizabeth na clandestinidade e sem contato com muitos de seus filhos.

Exibição no dia 24/03 de manhã, às 8h e à noite, às 19h.

QUE BOM TE VER VIVA, direção de Lúcia Murat (Brasil, 1989, 100’). Duas décadas depois, oito ex-presas políticas falam sobre a luta e a tortura vividas durante o regime militar brasileiro e a experiência de ter sobrevivido. Entre os depoimentos, delírios e confissões de uma personagem anônima, que reflete sobre o peso de ter sobrevivo lúcida às torturas.

Exibição no dia 23/03 (noite) às 19h e 26/03 (manhã) às 8h.

Imagens e sinopses extraídas do site da Mostra Cinema e Direitos Humanos.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Tupis, 485 - sala 502. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30190-060

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h