Encontro reúne coordenadores dos NAS do Norte de Minas, Médio e Alto Jequitinhonha

Publicado em 09/12/2013

O 1º Encontro Regional da Seccional Montes Claros com os coordenadores dos Núcleos de Assistentes Sociais do Norte de Minas, Médio e Alto Jequitinhonha aconteceu no dia 29 de novembro, em Montes Claros, e teve como temas a importância dos NAS e os desafios e dilemas da atuação profissional.

Diante de uma conjuntura atual de instabilidade, permeada de transformações constantes e significativas desigualdades socioeconômicas, o Serviço social aponta para uma perspectiva de propor ações que possibilitem uma leitura social mais próxima dessa realidade. Considerando ainda que para conseguir um enfrentamento positivo de suas demandas, o Serviço Social perpassará a priori pelo fortalecimento do seu projeto ético-político.  

Desse modo, a formação dos NAS surge como uma alternativa deste fortalecimento,  uma vez que isso possibilita estreitar as relações entre CRESS e a categoria, como aponta Maria Zilma, representante do NAS Sertão. “Neste evento, ficou mais perceptível que uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos Núcleos e pelo CRESS é a mobilização da categoria e a precarização/mercantilização do ensino do Serviço Social, auspiciado principalmente pelos diversos cursos realizados a distância”, avalia.

Externar as angústias, trocar experiências, fortalecer  o vínculo, proporcionando assim um sentimento de pertencimento foram algumas das possibilidades que o encontro proporcionou, comenta Maria Zilma. “Percebemos que há um espaço amplo para discutirmos estratégias com objetivo de criar situações de mobilização da classe que leve ao fortalecimento das diversas lutas a serem travadas nas frentes de atuação do Serviço Social”, conclui.

Debater para fortalecer

Na ocasião, o conselheiro do CRESS-MG, Waldeir Eustáquio, abordou os assuntos propostos e esclareceu dúvidas dos presentes. Os coordenadores que compareceram à reunião foram Samuel Pereira (NAS Diamantina), Gabriel Almeida (NAS Januária), Flávia de Souza (NAS Janaúba), Lízian Martins (NAS Araçuaí), Helen Souza (NAS Montes Claros) e Maria Zilma  Prado (representante do NAS Sertão/Pirapora).

O evento foi um momento de discussão sobre a importância do planejamento, da participação e organização da categoria na região, como afirma Flávia, do NAS Janaúba.  “A troca de experiências entre coordenadores foi fundamental para a reflexão a cerca da organização política dos assistentes sociais para defesa do projeto ético-político e o fortalecimento dos NAS, como também para construção de estratégias de enfrentamento aos desafios postos ao Serviço Social”, diz.

Este primeiro encontro concretizou uma das propostas da Gestão “Nas trilhas do Sertão de Minas: Compromisso, luta e resistência” que é fomentar o debate sobre o fortalecimento dos NAS do Norte de Minas, como comenta a coordenadora da Seccional Montes Claros e diretora de referência da Comissão de Apoio a Grupos Organizados (Comago) na região, Rosilene Tavares. “Essa reunião propiciou discussões e a elaboração de propostas para fortalecer os Núcleos, bem como estratégias para estimular a participação da categoria a fim de qualificar o exercício profissional, o debate técnico e teórico e o aprimoramento da direção política do Serviço Social”, afirma.

Os NAS são espaços de articulação e organização dos assistentes sociais de base e cumprem o papel de interiorização, descentralização e democratização da gestão técnico-política dos Conselhos Regionais.

Em Minas Gerais, por exemplo, a função desses Núcleos é fundamental, visto que a extensão territorial do estado dificulta tanto o acesso da categoria às iniciativas do Conjunto, como a absorção do mesmo às demandas desses profissionais. Atualmente, há 26 NAS ativos no estado.

Em sua natureza política, os NAS são espaços de valorização do Serviço Social, de articulação e integração do assistente social na defesa do projeto ético-político profissional, e um instrumento de divulgação das ações e dos serviços dos CRESS-MG.

Os NAS cumprem o papel de colaborar e manter a interlocução com as ações do CRESS-MG, visando defender a qualidade dos serviços profissionais prestados à sociedade e a troca e circulação das informações. Além disso, os NAS também têm como objetivo:

  • Constituir espaços de discussão para defender e valorizar o Serviço Social;
  • Fortalecer a categoria e contribuir na instrumentalização dos profissionais para o exercício da profissão;
  • Divulgar e zelar pelo cumprimento do Código de Ética Profissional e da Lei 8.662/1993, que regulamenta a profissão;
  • Promover debates sobre assuntos ligados ao Serviço Social e de interesse da categoria.

Saiba passo a passo como criar um NAS.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Guajajaras, 410 - 11º andar. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30180-912

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h