Projeto Formação Continuada abre com módulo sobre comunicação e mobilização social

Publicado em 14/08/2012

Idealismo e conhecimento foram as palavras que marcaram o primeiro módulo do Projeto de Formação Continuada do CRESS-MG, que aconteceu no sábado, dia 11 de agosto, em BH. O minicurso teve como tema “Mobilização Social e Comunicação” e foi ministrado por Kênia Figueiredo, mestre em Serviço Social e doutoranda em Comunicação pela Universidade de Brasília (UnB). Como conselheira do CRESS-MG, na década de 1990, Kênia foi responsável pela implantação das primeiras ferramentas comunicacionais do Conselho.

Durante o encontro, a professora ressaltou a importância da utopia no cotidiano do profissional de Serviço Social. “Não vejo como levar a vida sem utopia, até porque este é o grande trunfo do neoliberalismo. Na relação com o trabalhador, isso é mais forte ainda, pois para realizar intervenções mais coerentes, precisamos estar convencidos emocionalmente do que queremos.”
 

A respeito da relação entre Comunicação e Serviço Social, Kênia diz que esta deve ser entendida não apenas como uma revolução tecnológica. “A comunicação tem uma relação intrínseca com a política, e a maneira em que ela se faz mais presente no cotidiano do assistente social é por meio da mobilização social.”
 
Tendo a questão social como principal objeto de trabalho, o assistente social deve ser capaz de identificar as forças políticas existentes na sociedade capitalista, e por isso é fundamental compreender os movimentos sociais. Para Kênia, os direitos são conquistados apenas quando os trabalhadores se organizam e os movimentos sociais são uma das ferramentas dessa articulação. “O assistente social que não está atento a esta dinâmica, tende a ter uma intervenção profissional reduzida e burocratizada.”

Pioneirismo do CRESS-MG

Na década de 1990, o Conjunto CFESS/CRESS estava se formando e começava a se estabelecer como espaço político para a categoria. Até então, apenas os sindicatos de Serviço Social cumpriam essa função crítica e reflexiva da profissão. Foi nesse período de transição que Kênia atuou no CRESS-MG. “Já não tínhamos mais função apenas cartorial e para que houvesse uma interlocução com a categoria, precisávamos criar mecanismos de comunicação. O primeiro dele foi o jornal Conexões Geraes.” Após algum tempo sem ser produzido, o Conexões Geraes voltou em formato de revista e é enviado, semestralmente, a toda a categoria atuante em Minas Gerais e devidamente registrada no CRESS-MG. 

Segundo Kênia, o CRESS-MG atualmente é referência para todo o Conjunto CFESS/CRESS no que diz respeito à área de Comunicação. “As gestões desses últimos 20 anos sempre investiram nesse setor e isso foi determinante para que, hoje, o CRESS-MG seja modelo em relação aos mecanismos de diálogo com a categoria.”

O Projeto

O Projeto de Formação Continuada realizará, nesta primeira edição, 11 minicursos com o intuito de promover espaços de reflexão e aprofundamento acerca da intervenção na realidade, considerando os elementos que permeiam a dinâmica contraditória da totalidade social que se articula com as particularidades do fazer profissional. 

O presidente do CRESS-MG, Leonardo David, participou do módulo de abertura e ressalta que a Gestão Compromisso e Luta tem tentado ir além das funções básicas do Conselho. “Estamos preocupados com a formação profissional do assistente social, tendo em vista o cenário precário em que se encontra o ensino superior no Brasil.”

Com o sucesso das inscrições, Leonardo conta que o número de temáticas ofertadas nos minicursos deverá dobrar em 2013. “Não tenho dúvida de que queremos contribuir com a direção crítica da profissão, mas, além disso, sabemos que uma profissão forte também fortalece a classe trabalhadora”.

Na primeira edição da Revista Conexões Geraes, Kênia produziu o artigo “Comunicação como um direito social”. Para acessar a publicação e ler o artigo, clique aqui.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Tupis, 485 - sala 502. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30190-060

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h