Residência Multiprofissional em Saúde é tema de rico debate em BH

Publicado em 18/10/2019

No dia 8 de outubro, aconteceu, na Sede do CRESS-MG, em Belo Horizonte, a roda de conversa “Serviço Social e Residência Multiprofissional em Saúde”, promovida pelas Comissões de Saúde e de Trabalho e Formação Profissional do CRESS-MG, tendo como convidada a professora doutora da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e coordenadora do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde do Adulto do Hospital Universitário (HU) da UFJF, Marina Castro. 

A profissional explicou como se desenvolvem as ações da residência no HU e os principais desafios relacionados a esse espaço formativo. “Há uma visão romantizada da residência que deve ser combatida, uma vez que ela se dá na esfera da realidade, sofrendo todos os rebatimentos da conjuntura, tais como o desmonte dos serviços de saúde e a precarização do trabalho das e dos assistentes sociais”, sinaliza. 

A principal área de oferta do programa, a nível nacional, é a Saúde Mental, seguida de Saúde da Família, mas o leque é amplo. Segundo Marina, é importante explicitar essa amplitude, pois envolve o debate do Serviço Social com todas essas áreas temáticas. Outro debate fomentado pela convidada, se relaciona com o fato de que boa parte dos HU, estes públicos, são gerenciados pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), instituição privada.

Além disso, ela destacou que a residência tem potencial de transformar práticas hegemônicas no cotidiano dos serviços, na vivência do trabalho interprofissional, no diálogo com outras áreas e na possibilidade de construção de outros perfis profissionais. “Temos uma formação generalista e a trajetória pela residência contribui para inserção em qualquer outro espaço”, pontua. 

Para Marina, é preciso pensar a residência como um processo de educação permanente, pensando-a como pauta do Movimento Sanitário, em defesa da saúde pública. “A residência está posta como eixo estratégico na disputa por diferentes projetos para a área de saúde e não deve ficar só no campo teórico. No cenário atual, estamos fazendo essa disputa o tempo todo, por isso é importante a clareza do que queremos com esse processo formativo.”

Residentes

Na sequência, o assistente social residente em Saúde da Família pela Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte e membro da Comissão de Trabalho e Formação Profissional do CRESS-MG, Euler Campos, deu seu depoimento sobre os entraves para a materialização da residência enquanto potente processo formativo e que vão desde assédio moral à falta de uma figura da área da educação nesses espaços. 

“Temos que nos implicar enquanto residentes, pois este é o movimento que vai dar conta de provocar resultados positivos. O debate e a discussão são essenciais nesse espaço. Por exemplo, hoje é preciso pagar horas mesmo quando se apresenta atestado ou quando há licença maternidade. É importante não entrar num processo alienador”, considera o jovem.

Mesmo se fortalecendo enquanto coletivo, o tempo da residência é limitado, dificultando dar continuidade à luta, como indica Euler. “Nesse sentido, é preciso levar essas pautas para os conselhos profissionais, como o CRESS-MG e outros movimentos de luta, para que possamos avançar nesse espaço tão importante de formação para nossa categoria profissional”, completa.  

Confira a gravação do evento, em nossa página no Facebook.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Guajajaras, 410 - 11º andar. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30180-912

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h