Monitoramento de propostas e troca de experiências marcam Encontro Descentralizado

Publicado em 06/08/2018

Na semana passada, a delegação que irá representar o CRESS-MG no 47º Encontro Nacional CFESS-CRESS, que acontece em setembro, em Porto Alegre (RS), participou do 47º Encontro Descentralizado da Região Sudeste, sediado em Vitória (ES), que teve como tema o “Projeto Ético-Político e Trabalho Profissional na contramão da militarização”.

O evento aconteceu de 27 a 29 de julho, reunindo representantes dos CRESS do Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, com o objetivo de monitorar as deliberações prioritárias aprovadas, ano passado, por estas regiões. A ideia é acompanhar o que foi planejado, analisar e refletir sobre a execução das ações, corrigindo distorções e criando estratégias para resolver o que ainda não foi possível fazer.

A lógica do monitoramento também guiará as atividades do Encontro Nacional, o maior espaço de debates e deliberações do Serviço Social brasileiro. Reforçando o caráter político desses espaços, a abertura do Encontro Descentralizado se deu com a exibição de um compilado de vídeos das regionais sobre o Dia da Mulher Negra Latina e Caribenha, 25/07.

Troca de ideias

O Encontro Descentralizado é, também, um momento de interação e troca de experiências entre as e os integrantes das delegações. Para a assistente social do INSS e conselheira do CRESS-MG, Angelita Rangel, o contato com colegas de profissão permitiu refletir sobre o andamento do que foi planejado e sobre as estratégias adotadas para alcançar os objetivos em cada um dos sete eixos.

“Vamos aprimorar ainda mais nossos conhecimentos, não só no que se refere à Comissão de Comunicação, da qual participo, mas de todo o Conselho. Além, é claro, de transmitir nossas experiências, contribuindo cada vez mais para o fortalecimento de todo o Conjunto CFESS-CRESS!”, pontua.

Representante da base da Seccional Montes Claros, a assistente social que atua no sistema prisional, Michelle Góis, vê sua participação nos encontros como uma oportunidade para conhecer mais sobre a militância da categoria. Ela destaca que as discussões do eixo de Direitos Humanos lhe chamaram bastante a atenção.

“As reflexões deste eixo evidenciam a forma democrática com a qual o Conjunto se posiciona em relação às problemáticas enfrentadas pela sociedade, tais como aborto, combate à LGBTfobia, ao preconceito e à discriminação de raça, cor e etnia. Apesar do contexto de ofensiva aos direitos humanos e sociais, a categoria segue resistindo alinhada com o projeto ético e político”, avalia.

Estes encontros são, sem dúvida, uma maneira de se apropriar mais das diretrizes do Serviço Social. Para a representante da base na Sede, Lidiane Oliveira, presidenta do Conselho de Promoção da Igualdade Racial de Contagem, as e os assistentes sociais não podem se limitar aos espaços acadêmicos de formação, mas ampliar o horizonte em busca de uma formação continuada, possibilitando aprendizado e trocas, e ainda completa:

“Todos os debates foram importantes. A particularidade de ser ano de monitoramento ampliou meu entendimento da totalidade das ações realizadas e dos fatores que dificultam a afetividade de cada ação. A delegação do CRESS-MG foi muito competente no que se propôs a fazer no Encontro Descentralizado e estou confiante que participar do Encontro Nacional será uma rica experiência”, destaca.

Confira o Relatório Final desta atividade.

Moções aprovadas

NOTA_HOSPITAIS_RJ

MOÇÃO DE REPÚDIO_INSS_MG

MOÇÃO DE REPÚDIO AO GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

MOÇÃO DE APOIO À ASSISTENTE SOCIAL PATRÍCIA FERREIRA DA SILVA

MOÇÃO DE APOIO E SOLIDARIEDADE À PROFESSORA DÉBORA DINIZ (UNB)

MOÇÃO DE REPÚDIO CONTRA AS AÇÕES REALIZADAS PELO TJSP PARA IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 13431-2017

MOÇÃO DE REPÚDIO CONTRA AÇÕES TRUCULENTAS E HIGIENISTAS DA ADMINISTRAÇÃO DO MUNICÍPIO DE CAMPINAS-SP

MOÇÃO DE REPÚDIO ÀS PRÁTICAS ANTIDEMOCRÁTICAS DO PREFEITO DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, MARCELO CRIVELLA

MOÇÃO DE REPÚDIO ÀS IMPOSIÇÕES INSTITUCIONAIS DO INSS AOS ASSISTENTES SOCIAIS E ANALISTAS DO SEGURO SOCIAL COM FORMAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL

MOÇÃO DE APOIO ÀS AS EM CARGO DE GESTÃO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E DIREITOS HUMANOS DA PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

Saiba mais

Encontro Descentralizado da Região Sudeste começa hoje, em Vitória (ES)

Assembleia elege base que vai representar CRESS Minas no Encontro Nacional CFESS CRESS

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Guajajaras, 410 - 11º andar. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30180-912

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h