Vem aí 6º Seminário da Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde

Publicado em 05/10/2016

De 25 a 27 de novembro, acontece o 6º Seminário da Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde.  Sempre com a proposta de circular pelo país, desta vez a região brasileira que recebe o Seminário é a Centro-Oeste, na cidade de Goiânia, estado de Goiás.

Não é preciso integrar as frentes regionais ou fóruns locais para participar do evento, afinal, um dos objetivos e importância dos seminários é de aproximar as pessoas às lutas da Frente Nacional, sendo uma ótima oportunidade para começar a se envolver com este movimento.

Prazos

Inscrições no Seminário: 10/10/2016 a 20/11/2016

Inscrição trabalhos: 10/10/2016  a 30/10/2016

Resultado da avaliação dos trabalhos: 07/11/2016

Obs.: Em breve, serão divulgadas taxas de inscrição e mais detalhes sobre o envio dos trabalhos.

Sugestão de temas

1)      SAÚDE E DEMOCRACIA

2)      LUTAS DA SAÚDE EM DEFESA DO SUS 100% PÚBLICO E ESTATAL

3)      SAÚDE E DEMOCRACIA: LUTAS SOCIAIS EM DEFESA DO SUS 100% PÚBLICO E ESTATAL

PROGRAMAÇÃO DETALHADA

PRÉ-SEMINÁRIO

Data: 25 de Novembro (Sexta-Feira)

Local: Faculdade de Educação/UFG

Endereço: Universidade Federal de Goiás – R. 235, n. 307 – Setor Leste Universitário, Goiânia – GO

Manhã (8h30min – 12h30min)

OFICINAS (SIMULTÂNEAS)

1)       EBSERH – desafios para o resgate dos hospitais universitários

Organização da Oficina: Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde (FNCPS)

Moderadora: a definir pela FNCPS (Sugestão – Fátima Siliansky)

Objetivo: Apresentar a experiência da administração da Ebserh na UFAL, com ênfase no cenário de desmonte dos serviços públicos de saúde e nas possibilidades de destrato e fortalecimento do SUS 100% público e estatal.

2)         Lições do passado: organização de base e o fortalecimento da participação da comunidade na saúde

Organização da Oficina: FNCPS e Frente Goiana Contra a Privatização da Saúde (FGCPS)

Moderadores: a definir pela FNCPS e FGCPS (Sugestão: representantes de movimentos populares que lutaram pela construção do SUS. Por exemplo: MOPS, Movimento Meio Grito em Goiás, Movimento de Saúde da  Zona Leste de São Paulo).

Objetivo: Compartilhar as experiência de organização da luta em defesa da saúde pública no Brasil à partir dos movimentos sociais.

3)       Ações populares em defesa do SUS em 2016

Organização da Oficina: fóruns de saúde que compõem a FNCPS

Moderadores: a definir pelos Fóruns

Objetivo: Compartilhar as experiências da luta em defesa do SUS 100% público e estatal nas diferentes regiões do país.

4)       OS e militarização da educação: interfaces com a saúde

Organização da Oficina: Frente Goiana Contra a Privatização da Saúde (FGCPS) e Secundaristas em Luta/GO (SL/GO)

Moderadores: a definir pela FGCPS e SL/GO

Objetivo: Apresentar os movimentos de resistência às OS no Estado de Goiás e as evidências do processo de privatização da saúde e educação como estratégia para o desmonte destes serviços e desvio de dinheiro público.

5)       O Direito à Saúde, equidade e educação popular

Organização da Oficina: Articulação Nacional de Movimentos e Práticas de Educação Popular e Saúde (ANEPS/GO)

Moderadores: a definir pela FGCPS e ANEPS/GO

Objetivo: Apresentar o SUS enquanto direito conquistado pelo povo brasileiro, a intensificação das lutas em sua defesa, considerando seu potencial para atingir equidade e justiça social no país.

6)       Saúde Mental – A luta contra retrocessos

Organização da Oficina: FNCPS, Fórum Goiano de Saúde Mental (FGSM), Centro de Convivência Cuca Fresca (CCCF)

Moderadores: a definir pela FNCPS, FGSM e CCCF

Objetivo: Compartilhar as experiências exitosas da luta antimanicomial e apresentar as tentativas de internação institucionalizada.

 

Tarde (14h30min – 17h00)

Ato público em defesa do SUS

Local: Hospital gerenciado por OS ou HC/UFG (EBSERH) – a definir

 

Noite (18h – 22h)

ABERTURA DO VI SEMINÁRIO DA FRENTE NACIONAL CONTRA A PRIVATIZAÇÃO DA SAÚDE

Conferência: A Saúde no Contexto Latino-Americano e Brasileiro

Palestrantes:     Representante da Alames (a definir)

Maria Inês Bravo – FNCPS

Flaviana Alves Barbosa – Sindsaúde/GO

 

SEMINÁRIO

Data: 26 de Novembro (Sábado)

Local: Faculdade de Educação/UFG

 

Manhã (8h30min – 12h00)

 

Conferência: Contexto atual e repercussão no Sistema Único de Saúde

Objetivo: realizar análise da conjuntura no Brasil sob a perspectiva da universidade, movimentos sociais e sindicais.

Palestrantes (previsão 3 pessoas mantendo a lógica de representação de movimentos sociais, universidade e sindicato) sequência de nomes sugeridos:

1 – Guilherme Boulos – MTST                    

2 – Denise Gentil – UFRJ

3 – Eblin Farage – Andes/SN

4 – João Pedro Stédile – MST

5  – José Paulo Neto – UFRJ

 

Tarde 1  (14h00 – 16h00)

Grupos Temáticos sobre a organização da luta (Rodas de conversa com trocas de experiências)

Objetivo: Promover o diálogo entre os diferentes movimentos que compõem a FNCPS visando a organização das lutas em 2017.

1)      Movimento sindical e a defesa do SUS –  Coordenação: Centrais sindicais e Sindicatos que compõem a FNCPS

2)      Movimentos populares em defesa da saúde pública – Coordenação: movimentos sociais que compõe a FNCPS

3)      Movimento estudantil – Coordenação: representantes das executivas que compõem a FNCPS

 

Tarde 2 (16h00-18h30min)

1 – Reunião do Colegiado da Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde

2 – Exposição e apresentação de pôster

Objetivo: apresentar experiências e pesquisas relacionadas com os seguintes eixos temáticos (Sugestões):

–          Defesa do SUS público 100% estatal

–          A luta contra a privatização do SUS

–          Formação política em saúde

–          Movimentos sociais em saúde

–          Movimento estudantil e a defesa do SUS

–          A precarização do  trabalho em saúde

 

Noite (19h30min – 22h00)

Reunião dos fóruns e frentes regionais (divisão por regiões do país)

Objetivo: Planejamento 2017 da FNCPS com definição da agenda e  organização da luta

Metodologia de funcionamento: a ser construída pela FNCPS

 

27 de Novembro (Domingo)

Local: Faculdade de Educação/UFG

 

Manhã 1 (8h30 – 10h00)

Reunião dos fóruns e frentes regionais (continuação)

 

Manhã 2 (10h30min – 12h30min)

Apresentação de propostas dos fóruns e frentes por região

 

Tarde (14h00 – 17h00)

Plenária Final

Objetivo: Deliberação sobre a agenda de lutas para 2017.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Guajajaras, 410 - 11º andar. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30180-912

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h