Seccional Juiz de Fora: 40 anos de história

Publicado em 22/01/2016

Representantes da gestão antiga e da atual

A Seccional Juiz de Fora completou 40 anos de existência em 2015. Para marcar a data, foi realizada uma comemoração no dia 8 de dezembro, com o objetivo de homenagear diretores, conselheiros, funcionários e assistentes sociais da base que contribuíram politicamente e administrativamente para a manutenção e a consolidação da entidade ao longo desse tempo.

A programação foi iniciada com uma mesa de abertura que teve a presença dos representantes do CRESS-MG, Ana Luiza Avelar e Jeferson Baptista, da faculdade de Serviço Social da UFJF, Cristina Simões Bezerra, da faculdade de Serviço Social da Universo, Francinelly Mattoso, e do DA Padre Jaime Snoeck, da faculdade de Serviço Social da UFJF, a aluna Jeane Angélica.

Na sequência, foi realizada uma mesa histórica, em que os participantes relembraram as principais conquistas da gestão em décadas específicas e falaram sobre as experiências no Conselho. O diretor da Seccional de Juiz de Fora, Jhony Oliveira Zigato, coordenou a mesa e representou a gestão atual da Seccional de Juiz de Fora. Além dele, também participaram as assistentes sociais Rosely Salomão Condé, Ana Maria Ferreira, Marina Monteiro de Castro e Castro, Nanci Lagioto Hespanhol Simões e Patrícia Teixeira Groppo de Oliveira.

Elisa de Oliveira Melo

Durante as considerações da plateia, ao final da mesa, a primeira delegada/diretora, Elisa de Oliveira Melo, ressaltou a importância do evento, a luta empreendida pelos assistentes sociais em Juiz de Fora para inaugurar a entidade, e o papel relevante do Conselho no fortalecimento da categoria na Zona da Mata Mineira e na defesa do Projeto Ético-Político do Serviço Social brasileiro. O assistente social Tiago Duarte, representante do Núcleo de Assistentes Sociais de Viçosa (NASVIR), também teceu considerações acerca da importância da Seccional no fortalecimento da categoria nos munícipios da Zona da Mata Mineira.

Para a assistente social Isabella Lamarca, a comemoração dos 40 anos da Seccional Juiz de Fora foi um marco de reafirmação política da categoria. “O resgate histórico pontuado, não só demonstrou a trajetória de luta pela construção e consolidação da Seccional, como também a importância de seus atores, assistentes sociais, do município e região, que acreditaram e acreditam em projeto coletivo e em um conselho fortalecido que enfrenta desafios cotidianamente por suas bandeiras de luta.Enquanto assistencial da base há quatro anos, junto à Seccional Juiz de Fora, tive a oportunidade do convite para compor a comissão organizadora deste evento, o que enfatiza a importância da contribuição da base junto ao Conselho em uma gestão democrática e participativa. Aproveito para fazer um convite à categoria para atuação junto às comissões temáticas de trabalho. Unidos somos mais fortes”, afirmou.

Programação

Os participantes assistiram à palestra “A contribuição do Conjunto CFESS/CRESS para o fortalecimento do Projeto Ético Político do Serviço Social”, ministrada pelas professoras da faculdade de Serviço Social da UFJF, Maria Lúcia Duriguetto e Alexandra Aparecida L. T. Seabra Eiras, e coordenada por Geovane Martins Gonçalves, diretor da Seccional Juiz de Fora.

Público assiste a uma das apresentações do evento

Durante o evento, duas diretoras/fundadoras da Seccional foram homenageadas: a assistente social Ana Arreguy Mourão, ex-diretora na gestão 1984 a 1987, ex-conselheira do CFESS em duas gestões na década de 1990, e atualmente conselheira do CRESS-MG e a assistente social Ana Maria Costa Amoroso Lima, ex-diretora da Seccional em duas gestões (1975 a 1981 e 1981 a 1983), ex-conselheira do CFESS nas décadas de 1980 e 1990, e atualmente assistente social de base da Seccional de Juiz de Fora na Comissão de Orientação e Fiscalização (COFI). Ambas receberam uma placa de menção especial pela importância dos serviços prestados ao Conselho.

Por fim, os convidados participaram do lançamento do livro “Autonomia Profissional do Assistente Social X Trabalho Assalariado”, escrito pela agente fiscal Nanci Lagioto Hespanhol Simões.

História

A 2ª Delegacia Regional de Juiz de Fora do Conselho Regional de Assistentes Sociais – CRAS 6ª Região, como era denominada, foi inaugurada no dia 14 de março de 1975. Nesse período, devido à falta de recursos financeiros, a entidade não tinha um espaço físico próprio e funcionava numa sala cedida pela Faculdade de Serviço Social da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Em 1980, uma sede foi alugada para atender os assistentes sociais. Apesar das dificuldades financeiras e dos grandes desafios políticos para mobilizar os profissionais, as direções que assumiram a 2ª Delegacia conseguiram construir uma categoria forte na região. Atualmente, a área de abrangência da Seccional de Juiz de Fora comporta a maioria dos municípios da microrregião da Zona da Mata e atende 169 municípios.

Veja mais fotos.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Tupis, 485 - sala 502. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30190-060

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h