Minicurso aborda limites e desafios da instrumentalidade do Serviço Social

Publicado em 12/09/2012

A “Instrumentalidade do Serviço Social” foi tema de mais um módulo do Projeto Formação Continuada do CRESS-MG. A atividade aconteceu no sábado, 1° de setembro, na Sede (BH), e foi ministrada por Yolanda Guerra, doutora em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Inicialmente, Yolanda abordou os fundamentos ontológicos do Serviço Social como forma de demonstrar que a instrumentalidade é construída no processo de trabalho. No segundo momento do curso, a professora propôs um exercício para problematizar o que os assistentes sociais presentes entendem como instrumental. “Meu objetivo central nessa atividade é esclarecer que o instrumental na nossa profissão não é neutro, embora sempre apresente limites de acordo com a realidade de cada profissional.”
 
Limites e desafios da instrumentalidade
 
A preocupação central com os instrumentos de trabalho é legítima no caso de profissões interventivas como o Serviço Social. Entretanto, Yolanda explica que também é necessário entender a escolha desse instrumental por meio de uma perspectiva mais ampla. “Ao optar por este e não aquele instrumento de trabalho, o assistente social deve levar em conta, entre outras coisas, o projeto ético-político profissional.”
 
Segundo Yolanda, é preciso lembrar, ainda, que atualmente as políticas sociais estão estabelecendo instrumentais que limitam cada vez mais a autonomia do assistente social. A principal consequência disso é a formatação do exercício profissional do assistente social.  “É preciso problematizar como as políticas sociais estão definindo um certo instrumental que, muitas vezes, acaba dando outra direção estratégica para nós do Serviço Social”, afirma.
 
O Projeto
 
O Projeto Formação Continuada está realizando, nesta primeira edição, onze minicursos com o intuito de promover espaços de reflexão e aprofundamento acerca da intervenção na realidade, considerando os elementos que permeiam a dinâmica contraditória da totalidade social que se articula com as particularidades do fazer profissional. 
 
Para Yolanda, o CRES-MG tem demonstrado estar bastante atento às demandas da categoria e, quando possível, tem buscado atendê-las com qualidade exemplar. “Esses minicursos estão impecáveis tanto em sua estruturação, como em termos de encadeamento. As questões abordadas são pertinentes e os profissionais escolhidos para ministrá-las estão na ponta do debate”, parabeniza.
 
A iniciativa já estava sendo esboçada desde o início da Gestão Compromisso e Luta (2011/2014), a partir de demandas da categoria que eram observadas pela fiscalização do CRESS-MG. A concretização do Projeto cumpre, também, com a Política Nacional de Educação e Capacitação Permanente do Conjunto CFESS/CRESS. Ainda assim, a formatação do Projeto em Minas Gerais tem suas particularidades, como explica o presidente do Conselho, Leonardo David. “Penso que foi assertivo realizar esses minicursos no formato em que estão hoje, pelo fato de acontecerem aos sábados, facilitando a participação da categoria.”
 
Com o sucesso das inscrições, Leonardo conta que o número de temáticas ofertadas nos minicursos deverá dobrar em 2013. “Não tenho dúvida de que queremos contribuir com a direção crítica da profissão, mas, além disso, sabemos que uma profissão forte também fortalece a classe trabalhadora.”
 
Para saber mais sobre o Projeto e conferir as fotos e a cobertura dos outros minicursos, clique aqui.

Conheça mais sobre o CRESS-MG

Informações adicionais
Informações adicionais
Informações adicionais

SEDE: (31) 3226-2083 | cress@cress-mg.org.br

Rua Tupis, 485 - sala 502. Centro. Belo Horizonte - MG. CEP 30190-060

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL JUIZ DE FORA: (32) 3217-9186 | seccionaljuizdefora@cress-mg.org.br

Av. Barão do Rio Branco, 2595 - sala 1103/1104. Juiz de Fora - MG. CEP 36010-907

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL MONTES CLAROS: (38) 3221-9358 | seccionalmontesclaros@cress-mg.org.br

Av. Coronel Prates, 376 - sala 301. Centro. Montes Claros - MG. CEP 39400-104

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h


SECCIONAL UBERLÂNDIA: (34) 3236-3024 | seccionaluberlandia@cress-mg.org.br

Av. Afonso Pena, 547 - sala 101. Uberlândia - MG. CEP 38400-128

Funcionamento: segunda a sexta, das 13h às 19h