imprimir

16º CBAS abre prazo para envio de trabalhos. Confira as regras!

Imagem mostra ilustração de duas mulheres segurando um banner com a informação de que o prazo para envio de trabalhos para o CBAS vai até 3 de junho. Embaixo tem uma ilustração do Ginásio Nilson Nelso, em Brasília, local que será realizado o evento. Há várias pessoas caminhando em direção ao ginásio e de dentro dele sai um ramo que ilustra também o Código de �tica
As pessoas já podem inscrever trabalhos nas seguintes categorias: “sistematização do trabalho profissional”, que pode ser uma reflexão sistematizada de demandas, ações, atividades, respostas desenvolvidas no trabalho do/a assistente social; “relato de experiência”; “resultado de pesquisa”; e “reflexão teórica”. (arte: Rafael Werkema)
 
O Congresso Brasileiro de Assistentes Sociais, ao longo das últimas quatro décadas, se firmou não só como o maior espaço de organização política da categoria, mas também como um importante difusor da produção teórico-científica e técnica do Serviço Social brasileiro.
 
E o 16º CBAS, que ocorrerá entre os dias 13 e 17 de novembro de 2019, em Brasília (DF), promete não ser diferente. Com a estimativa de um público de 10 mil pessoas, haverá espaço para apresentação de trabalhos via pôster, como ocorreu na última edição (2016), reafirmando o compromisso do Congresso com a pesquisa e a investigação no âmbito do trabalho profissional e se fortalecendo como um importante espaço de troca de experiências técnico-científicas.
 
Participantes do CBAS que tiverem interesse já podem enviar seus trabalhos. O prazo final para submissão dos textos é dia 3 de junho de 2019. As regras podem ser acessadas diretamente no site do Congresso.
 
Visite o site do CBAS
 
Como na edição anterior do CBAS, não haverá apresentação de trabalhos na modalidade oral, mas os trabalhos serão publicados na íntegra nos anais do CBAS, que é um material audiovisual com todos os artigos aprovados para apresentação no Congresso.
 
A modalidade de apresentação via pôster é uma maneira de democratizar e ampliar o número de apresentações de trabalhos no CBAS, tendo em vista que possibilita um maior número de apresentações simultâneas.
 
Categorias, eixos e outras informações sobre a inscrição de trabalhos
 
Como já informado, as pessoas já podem enviar os trabalhos e prazo final se encerra no dia 3 de junho de 2019.
 
Foram definidas quatro categorias para as inscrições de trabalhos: “sistematização do trabalho profissional”, que pode ser uma reflexão sistematizada de demandas, ações, atividades, respostas desenvolvidas no trabalho do/a assistente social; “relato de experiência”; “resultado de pesquisa”; e “reflexão teórica”.
 
A pessoa interessada deverá indicar também o eixo e ênfase a qual se destina seu trabalho.
 
No site do 16º CBAS estão listados todos os eixos e ênfases. 
 
Cada trabalho poderá conter até 10 autores/as.
 
Cada autor/a poderá inscrever até 2 (dois) trabalhos, podendo ser individual e/ou coletivo. Somente pessoas inscritas no CBAS poderão apresentar os trabalhos. 
 
É requisito para apresentação e publicação dos trabalhos a inscrição efetuada e paga de, no mínimo, uma pessoa autora, até o dia 5 de setembro de 2019.
 
Visite o site do CBAS!
 
Fonte: CFESS