imprimir

Seccional Uberlândia elege representantes para três Conselhos de Direito

Nas últimas semanas, a Seccional Uberlândia convocou todas e todos os assistentes sociais de sua área de abrangência para reuniões ampliadas com o intuito de nomear representantes de três conselhos de direito de Uberlândia. As assistentes sociais eleitas ocuparão o posto, no biênio 2018-2020, enquanto representantes de ordens e conselho de classe.

Em espaços como estes, de controle social, é imprescindível a presença e a participação dessas representantes pois, além de intermediarem a relação entre os conselhos de direito e as organizações da classe trabalhadora, contribuem para a proposição e defesa de políticas públicas relevantes para a população. A seguir, confira os conselhos em questão e as profissionais eleitas.

Drogas Em reunião realizada no dia 16 de março, na sede da Seccional Uberlândia, foram eleitas como representantes do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas (Comad) para o biênio 2018-2020, a assistente social Eslene Paula de Paiva como titular e Lucinei Gasparina da Silva como suplente.

Idoso Em reunião realizada no dia 27 de março, na sede da Seccional Uberlândia, foi eleita como indicação para representante do Conselho Municipal do Idoso (CMI) para o biênio 2018-2020, a assistente social Marília Camargo da Silva.  No dia 6 de abril, a profissional concorreu à eleição no segmento “Ordens e conselho de classe”, em articulação com a OAB, CRP, COREN e CRESS, tendo se elegido para representa o segmento como titular.

Saúde Em reunião realizada no dia 6 de abril, na sede da Seccional Uberlândia, foram eleitas como representantes do Conselho Municipal de Saúde (CMS) para o biênio 2018-2020, a assistente social Cláudia Regina Nogueira Souza como titular e Maria Luzia Silva Correia como suplente.